VIAGEM

Para relaxar

Nova Zelândia, um destino para cuidar da alma e do corpo


08.11.17 – Por Otávio Furtado
Fotos: Divulgação

 

 

Conhecida por suas belezas naturais e pelo turismo de aventura, a Nova Zelândia também pode ser para uma viagem bem calma. Afinal, imagina aproveitar tratamentos de belezas em meio a natureza e paisagens paradisíacas com produtos e técnicas especiais do país? Nem só de aventura vive o roteiro para quem vai para o outro lado do mundo. Relaxe e confira ótimos motivos para ir desestressar na Nova Zelândia.

 

Um dos tratamentos mais famosos da Nova Zelândia usa a lama geotermal de Rotorua, região a três horas de Auckland, que promove maravilhas para a pele. Rica em minerais como enxofre, cálcio, sódio e silício, ela libera antioxidantes protetores quando aplicados ao corpo. O Polynesian Spa, por exemplo, oferece o Signature Mud Wrap. O tratamento começa com esfoliação, seguido de máscara de lama corporal e massagem no couro cabeludo. Depois, basta ir às piscinas minerais naturalmente aquecidas do spa para relaxar um pouco mais apreciando a vista do Lago Rotorua.

 

Os tradicionais tratamentos com pedras quentes também são famosos. A pedra da vez é a greenstone, também conhecida como pounamu, uma jade nefrita originária da Ilha Sul. Esta pedra pode ser moldada e polida para ficar mais suave, sendo que era originalmente usada pelo povo Maori na construção de ferramentas, armas e joias. Mas a crença que a jade tenha propriedades harmonizadoras e curativas levou a pedra até as mesas de tratamento. No premiado So Spa do Sofitel Queenstown, a massagem tranquilizante com greenstones quentes, promete derreter toda a tensão, ainda mais se acompanhada de uma sessão na sauna de infravermelho ou na sala de relaxamento.

 

O Amaia Luxury Spa, nas gelerias de Franz Josef, utiliza o mel como principal ingrediente do tratamento de rejuvenescimento facial. Conhecido mundialmente por suas propriedades curativas, o mel de manuka é uma iguaria neozelandesa com ações antibacterianas, antissépticas e anti-inflamatórias, e ingrediente extremamente popular em produtos anti-idade. A máscara nutre profundamente a pele da face, acompanhada de uma massagem relaxante no pescoço, ombros e couro cabeludo. O mel também está presente no protetor labial e no hidratante que finalizam o tratamento.

 

Os tratamentos faciais do Tekapo Springs Glacial Spa foram desenvolvidos a partir das propriedades renovadoras das algas vermelhas (ricas em antioxidantes, peptídeos, vitaminas e minerais), combinadas aos benefícios calmantes e anti-idade de plantas como kowhai e harakeke, além de óleo de kawakawa, mel de manuka e extrato de mamaku. O spa integra o complexo de Tekapo Springs, que também oferece piscinas termais, observação de estrelas, patinação no gelo e snow tubing.

 

Mas um dos tesouros sagrados da Nova Zelândia é a massagem Maori. O Treetops Lodge & Estate, nas florestas de Rotorua, tem os autênticos curandeiros maoris, que recebem hóspedes e visitantes para terapias indígenas de bem-estar. A massagem Mirimiri, é uma experiência holística que começa com uma antiga oração Maori e inspira ao relaxamento profundo e à união de mauri (essência da vida) e wairua (espírito). Para aliviar a tensão muscular, recomenda-se a massagem Romiromi, um tratamento firme e revigorante, que trabalha o tecido profundo e estimula pontos de pressão.
 

Pin It
Nos Acompanhe
Facebook
Instagram
Twitter
 
 
Copyright © 2010 estilozzo. todos os direitos reservados